ROBOFILIA E A RE-INVENÇÃO SEXUAL





E a ciência se multiplicará [...] Dn 12. 4 (K. James)


Tornou-se chocantemente óbvio que nossa tecnologia excedeu nossa humanidade. Einstein

Os filmes futurísticos já proscreveram através da ficção cientifica o que ocorreria no futuro, a questão é que ninguém esperava que esse futuro estivesse tão perto. Quem assistiu Eu, Robô (2004), Matrix (1999), I.A. Inteligência Artificial (2001) pode pressentir que o virtual como dissera Baudrillard anteciparia ou proscreveria o real,  estando hoje a meu ver substituindo-o. 

Ora, o [1]surrealismo parece encontrar (inscrever-se) hodiernamente seu ápice na confecção ideo-real de capacetes virtuais para sexo e nas “Sex dolls for adul” (bonecas sexuais para adultos).

Quem diria que a virtualidade se transformaria em realidade ou simulacro do Real? 

E o que falar em especial das bonecas sexuais robôs que estão sendo produzidas e equipadas com sensores para reagir a estímulos sexuais, sim isso já possível através da  Roxxxy o primeiro robô criado para realizar sexo do mundo, (é o que afirma True Companion). Ela já é comercializada desde de 2010 e já existe sua versão masculina para mulheres carentes e infelizes. 

De acordo com seus orçamentistas Roxxxy custou de 500 mil à 1 milhão de dólares e levou aproximadamente dois anos para ser construída. Ela é (foi) descrita como a primeira namorada robótica de todo o mundo.

Abaixo, segue imagem de Roxxxy:


 



De acordo com Douglas Hines, (fundador da companhia) o parceiro (a) robô pode ser customizado (a) e pré-programado com cinco opções de personalidades que variam de ousado (a) até bem comportado (a), segundo ele robôs não traem, não se cansam, não transmitem doenças e acima de tudo oferecem amor incondicional, desejo absoluto dos clientes segundo Hines.

Como esse nicho atrai consumidores ávidos por luxúria, uma outra empresa, a Real Doll, EUA, trabalha em uma nova versão de bonecas sexuais que já estão inclusive no Brasil e “pasme-se” eles dizem (Real Doll) que alguns de seus clientes já se casaram com suas bonecas.
De acordo com Ian Pearson (futurologista Britânico) parece bem alarmista em relatar que o sexo com robôs desenvolvidos exclusivamente para essa finalidade vai ser uma prática comum até 2025 – em um cenário bastante parecido com o filme Ex-Machina: Instinto Artificial.

Enfim, é incrível sinalizar o modo como o capitalismo reificou (a) primeiramente a espécie humana (prostituição-corpo como mercadoria) e agora (sabe-se lá em nome de que ontologia amorosa) robôs (máquinas do prazer-mercadoria) com aquela lógica da mercantilização a fim de nutrir a gula do lucro [2](auri sacras fames) insaciável.


Enquanto isso estamos aqui com um olhar panóptico as chocantes invenções humanas. 


Paulo Mazarem
Florianópolis
09 Abr. 16


REFERÊNCIAS:





10 Filmes sobre inteligência artificial. < http://www.guiadasemana.com.br/cinema/galeria/na-onda-de-ela-10-filmes-sobre-maquinas-quase-humanas >  Acesso em: 09 Abr. 16. 

BAUDRILLARD, Jean. A ilusão Vital. Trad. Luciano Trigo. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira. 2001


Por dentro da produção de Real Dolls. Disponível em < http://www.poucofino.com.br/por-dentro-da-producao-de-sexy-dolls/ > Acesso em: 09 Abr. 16

Robôs sexuais devem surgir até 2025 e podem substituir os seres humanos. Disponível em < http://manualdohomemmoderno.com.br/sexo/robos-sexuais-devem-surgir-ate-2025-e-podem-substituir-os-seres-humanos > Acesso em: 09 Abr. 16.

TrueCompanion Press. Press and videos, links and more. Disponível em:                          <http://www.truecompanion.com/press/2010/03/05/roxxxy-is-the-world%E2%80%99s-first-sex-robot/ > Acesso em: 09 Abr. 16.







[1]   O Surrealismo é a última das Vanguardas Européias, que sucede ao Dada radicalizando suas propostas de liberdade, anti-convencionalismo e anti-tradição dos valores da cultura ocidental. Traz à tona os impulsos das regiões ainda inexploradas da mente. Recorre aos temas fornecidos pelo inconsciente e subconsciente : o acaso, a loucura, os sonhos, as alucinações, o delírio ou o humor. Tem origem com a publicação do "Manifesto do Surrealismo", de André Breton, em 1924. Giorgio De Chirico, com sua Pintura Metafísica, antecipou o movimento ao descobrir as matrizes da angústia existencial e ao representá-las em atmosfera surreal. Surrealismo. Disponível em < http://www.mac.usp.br/mac/templates/projetos/seculoxx/modulo1/expressionismo/surrealismo/index.html > Acesso em: 09 Abr. 16

 [2] Auri sacra fames: Maldita fome de ouro. Expressão pela qual Virgílio condena a ambição desmedida. Disponível em < http://www.dicionariodelatim.com.br/auri-sacra-fames/ > Acesso 09 Abr. 16.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ALIMENTAÇÃO DOS TEMPOS BÍBLICOS

RESENHA DO FILME TERRA VERMELHA

RELIGIOSIDADE NA ERA PALEOLÍTICA/NEOLÍTICA